Sab, 21 de Outubro de 2017

Programa “Saúde na Escola” leva conscientização para escolas municipais - 10/09/2017 | 08:12

Com o objetivo de desenvolver ações de prevenção, promoção e atenção à saúde dos estudantes, a Secretaria de Saúde, em parceria com a Secretaria de Educação, aderiu, neste ano, ao Programa Saúde na Escola (PSE). As atividades são realizadas mensalmente em oito escolas e pré-escolas da rede municipal pela equipe da Saúde da Família, beneficiando cerca de 2500 alunos.

Entre as ações desenvolvidas, estão a conscientização e combate ao mosquito Aedes aegypti, promoção das práticas de atividade física, prevenção ao uso de álcool e outras drogas, identificação de possíveis sinais de agravos de doenças, promoção e avaliação de saúde bucal, atualização da situação vacinal, promoção da alimentação saudável e prevenção da obesidade infantil, entre outros, em um total de 12 frentes de trabalho.

A diretora da atenção primária em saúde, Carla Vitor, destacou os benefícios da iniciativa. “É sempre importante proporcionar a aproximação das crianças e adolescentes com assuntos de relevância para os cuidados com a saúde. Além de adquirirem conhecimento, eles replicam essas informações para seus familiares, amigos e vizinhos”, explica.

Para a diretora escolar Gláucia dos Santos, a recepção dos alunos e professores tem sido positiva. “As ações desenvolvidas fazem com que os alunos se apropriem mais de cuidados com o corpo e saúde. O desenvolvimento e aprendizagem dos alunos com o projeto estão sendo uma surpresa para nós. Alunos e professoras estão gostando muito e cada etapa está sendo uma novidade.  As informações não só envolvem os alunos, mas a comunidade escolar e seus responsáveis”, enfatiza. “Oferecer informações referentes à saúde privilegia as escolas como espaços públicos para a articulação das políticas voltadas para as crianças, adolescentes e jovens, por meio da participação eficaz dos profissionais da saúde e educação, bem como dos estudantes e famílias”, finaliza a coordenadora do Conselho Municipal de Educação e do Fundeb, Denise Couto.

Em 2017, as escolas participantes são Guilherme Hallais França, Laura Queiroz, Manoel Salvador de Oliveira, Professora Olímpia Maria Malheiros, Pequeno Cidadão, Peterpan, Pingo de Gente e Ana Amélia Queiroz. 


VOLTAR